Pelo sexto ano consecutivo, o Real Madrid foi eliminado nos oitavos da Champions. Ontem o Lyon de Licha e Cissokho após ter sido claramente dominado na primeira parte, conseguiu equilibrar a partida no reatamento e chegou ao empate por Pjanic, respondendo ao golo do inevitável Ronaldo.

Hoje todos caem em cima de Pellegrini, mas talvez fosse bom procurarem outras razões para estes insucessos, como a sobranceria e arrogância que predomina naquele clube, bem patente na entrevista que Sérgio Ramos tinha dado ontem na Marca onde previa uma vitória por 3-0 frente ao Lyon…


Um remate de primeira de Ibra após cruzamento de Daniel Alves decidiu o clássico dos clássicos, em que o Real podia perfeitamente ter alcançado outro resultado, caso tivesse aproveitado as oportunidades de que dispôs.

Em campo estiveram 6 dos 10 nomeados para a Bola de Ouro e se de um lado Xavi e Iniesta são como arte em movimento, do outro Cristiano e Kaka estiveram em grande plano e colocaram Valdes e companhia em sobressalto.

Pela capa da Marca, podemos ver como não é apenas em Portugal que existem as vitórias morais…


A vitória tangencial de ontem aliada à goleada do Chelsea desbravou um pouco mais o caminho para os oitavos, que podem ficar garantidos na próxima ronda caso o Porto ganhe em Chipre e o Atlético não vença.

Hulk finalmente marcou na Champions e tivemos outra boa notícia que foi a de Mariano não poder jogar pelo menos no próximo jogo. Como este rapaz é um dos capitães é um mistério digno do Sherlock Holmes.

Jogão em Madrid com o Milan a levar de vencida um Real que continua a defender miseravelmente. Não se ponham a toques e arriscam-se a outro 2-6 quando jogarem com o Barça.


Duelo de titãs esta época na Liga Espanhola. Barça e Real seguem imparáveis com os seus maiores astros em grande plano


Impressionante o circo mediático nas televisões portuguesas em redor da apresentação de Ronaldo no Real Madrid com directos e mais directos. Entrentanto para hoje existem canais que vão fazer emissões especiais dedicadas à  apresentação do agora CR9. Existem coisas que nunca mudam…


Leio na Marca que o Real Madrid vai pagar 96 milhões de euros pela contratação de Ronaldo. O Furacão Perez parece querer levar tudo pela frente.


Toda esta conversa em redor de uma possível ida de CR para o Real Madrid já mete nojo. Refira-se que Ronaldo contribuiu muito para este falatório ao declarar que dentro de 2 semanas se veria. Mas afinal não foi ele que assinou um novo contrato em 2007? Não foi o Man Utd que fez dele o melhor do mundo? Tudo isto por Jorge Mendes querer arrecadar mais uma choruda comissão?

Por outro lado, o comportamento do Real Madrid é vergonhoso, usando a Marca como forma de pressão sobre o jogador e clube, numa estratégia já antes usada com Figo e o outro Ronaldo.

Será que CR quer ser conhecido como um novo pesetero?