Notável esta obra de Martin Gilbert, um dos mais importantes historiadores da actualidade. A sua leitura reforçou ainda mais a minha admiração por Sir Wiston Churchill.

Advertisements