Um remate de primeira de Ibra após cruzamento de Daniel Alves decidiu o clássico dos clássicos, em que o Real podia perfeitamente ter alcançado outro resultado, caso tivesse aproveitado as oportunidades de que dispôs.

Em campo estiveram 6 dos 10 nomeados para a Bola de Ouro e se de um lado Xavi e Iniesta são como arte em movimento, do outro Cristiano e Kaka estiveram em grande plano e colocaram Valdes e companhia em sobressalto.

Pela capa da Marca, podemos ver como não é apenas em Portugal que existem as vitórias morais…

Anúncios