Quiçá inspirada no êxito da sua concorrente Wynn, a Las Vegas Sands pensa  lançar uma oferta pública  incial de venda em bolsa no mês de Novembro com a meta de arrecadar 2,5 mil milhões de dólares norte-americanos (20 mil milhões de patacas).

Dessa forma conseguiria abater parte da sua colossal dívida e possivelmente recomeçar as obras no Cotai cuja suspensão no ano passado provocou grandes ondas de choque no território

Anúncios