PS: Imagino a histeria que seria nos meios de comunicação social caso Rodriguez ainda jogasse noutras bandas. Basta lembrar o barulho com a “rabona” de Aimar.

Anúncios